NRF 2018 – O Show do Varejo

NRF 2018 – O Show do Varejo

Aconteceu entre 14 e 16 de janeiro o maior evento varejista do mundo. A NRF 2018 – National Retail Federation. Nosso General Manager, Paulo Guimarães, mais conhecido como Peguim, esteve por lá e nos mandou em primeira mão as novidades. Resumimos em 5 tópicos para que você também fique inteirado sobre o que aconteceu na Big Apple.

“Peopleware” – Pessoas & Tecnologia.   

No primeiro dia Peguim destacou a surpresa e grata aula sobre Gestão de Pessoas que o CEO do Walmart, Doug McMillon ministrou em sua palestra. Deu exemplos de como a produtividade e os resultados melhoraram significativamente com programas e iniciativas no desenvolvimento de pessoas. Inserir o time nas novas tecnologias e usar tecnologias para desenvolver o time é um dos pilares que fazem o Walmart hoje ser uma “empresa tecnológica”.

Loja digital X Loja Física

“Essa edição do NRF18 tem sido marcada pelo uso mais eficiente e maduro das tecnologias existentes no varejo” nos contou Peguim em web conference diretamente de NYC, já sobre o segundo dia do evento.

Cases que foram apresentados na NRF18 neste dia, mostraram o uso aprimorado de alguns canais digitais já existentes há 2 ou 3 anos.

“Um exemplo que ilustra bem o processo foi o case que conta como 3 empresas que nasceram do uso do Instagram se consolidaram, cresceram e que agora estão apresentando planos para o futuro” – comentou Peguim.

É sabido que muitas empresas que possuem negócios físicos tem migrado seus negócios para o mundo digital. O que percebemos atualmente é que muitas que nasceram e permaneceram nos últimos anos no mundo digital, também tem colecionado estreias no “mundo físico”. Um sinal claro do diferencial sobre estar e bem atuar em diferentes canais.

Apesar disso, notamos uma transformação no varejo americano. Segundo as cifras, no período 2010 a 2016 o trafego de lojas físicas caiu de 34 bilhões para 14 bilhões.

O poder do Omnichannel

Hoje o consenso entre analistas no NRF18, é que o varejo entendeu que a formula de sucesso está ligada a omnichannel. – “Todos os cases de sucesso de uma forma o outra estão relacionados em como se articula a presença em todos os canais”. – acrescentou Peguim.

Os desafios nesse cenário são muitos, mas o que se discute principalmente é como manter um “Look and Feel” consistente em todos os canais. Isso envolve reger uma orquestra de disciplinas com naturezas muito distintas como logística e contabilidade. Isso envolve temas como custos, taxas, tributos, estoque, importação, entre outros. Todas essas áreas precisam estar muito bem integradas e otimizadas para que a experiência do consumidor em diferentes canais como celular, loja física, e-commerce do mesmo varejista seja sempre positiva e satisfatória.

Mobilidade e Sofisticação

O evento NRF18 apresentou também, a maturidade de soluções em plataformas como tablet Android e IOS. “Aplicações que funcionam nos aparelhos como POS, tanto da Ingenico como da Verifone tem crescido consistentemente e o software delas são cada vez mais sofisticados” comentou nosso General Manager.

Maturidade e Democracia

Outro ponto de interesse, foram as soluções já bastante maduras no mercado, mas apresentadas em seus formatos ainda mais estáveis e democratizados como soluções de Planejamento de Demandas. As empresas estão apresentando algoritmos mais sofisticados, mas sempre com a premissa de otimização de estoque tanto no CD como na loja.

“Essas soluções que antes só existiam para um varejo muito grande agora já aparecem para todos os bolsos, soluções que podem atender até padarias” finaliza Peguim.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *